ANÁLISE COMPARATIVA DA VIABILIDADE DE APLICAÇÃO DA FUNDAÇÃO RASA TIPO SAPATA NO PROJETO DE UM TERMINAL RODOVIÁRIO EM DOIS MUNICÍPIOS DISTINTOS

  • Amanda Aparecida Valente Ferreira
  • Anik Figueirêdo Coelho
  • Vivianne Rosestolato Daruich Pereira Tannus
  • Niander Aguiar Cerqueira
Keywords: Fundação; sapata; solo.

Abstract

No presente trabalho, realizou-se o estudo da viabilidade da utilização de fundação rasa do tipo sapata no projeto de um Terminal Rodoviário de dois pavimentos em Concreto Armado. Para análise comparativa, dimensionou-se a estrutura do Terminal utilizando dados dos solos das cidades de Campos dos Goytacazes e Itaocara, ambas no interior do estado do Rio de Janeiro. Utilizou-se o software Eberick para dimensionamento estrutural e os dados dos solos obtiveram-se a partir de ensaios de sondagem de cada município. No primeiro teste utilizaram-se dados do solo de Campos dos Goytacazes, verificou-se no resultado que vários elementos de fundação apresentaram erro e não foram calculados, nesse momento trabalhou-se com as hipóteses de que as cargas transmitidas para as sapatas eram muito altas ou a capacidade do solo em questão era muito baixa. O segundo teste executou-se com os dados do solo de Itaocara, verificou-se a partir do resultado que todas as sapatas foram calculadas e não houve nenhuma sobreposição desse elemento, conclui-se então que o problema ocorrido no primeiro teste foi devido as características do solo onde o mesmo foi projetado e não as cargas que a superestrutura descarregava na fundação, ficando a cargo do responsável técnico a escolha do melhor tipo de fundação para esse projeto.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2019-12-30
How to Cite
Aparecida Valente Ferreira, A., Figueirêdo Coelho, A., Rosestolato Daruich Pereira Tannus, V., & Aguiar Cerqueira, N. (2019). ANÁLISE COMPARATIVA DA VIABILIDADE DE APLICAÇÃO DA FUNDAÇÃO RASA TIPO SAPATA NO PROJETO DE UM TERMINAL RODOVIÁRIO EM DOIS MUNICÍPIOS DISTINTOS. Revista Interdisciplinar Pensamento Científico, 5(4). Retrieved from http://reinpec.org/reinpec/index.php/reinpec/article/view/309