Eventos Produtores de Estresse Emocional mais Comuns na População de Estudantes do Curso de Medicina

  • Ana Laura Nunes Rosa
  • Fábio Lima Werneck Junior
  • Livia Catarina Lopes Vianna Couto
  • Raisa Amorim Horsth
  • Heidel Spiler
Keywords: saúde mental, estresse, estresse emocional e estudantes de medicina.

Abstract

Estudos apontam que a prevalência de estresse, depressão, ansiedade e uso de drogas entre estudantes de medicina é maior que a da população em geral. E ainda, há relatos que destacam a deterioração da saúde mental ao longo do tempo. Por esse motivo, o médico tem sido objeto frequente de estudos psicológicos e sociológicos, tendo em vista a natureza e as repercussões singulares de sua atividade. O estresse tem um impacto negativo no desempenho acadêmico, o que acarreta um declínio nas atitudes humanitárias e empatia, que também afeta a relação médico- paciente. Em nível pessoal, o estresse contribui para o colapso dos relacionamentos, a falta de saúde geral, o declínio no autocuidado, suicídio e também para o uso de substâncias, que muitas vezes serve como "válvula de escape" para esses estudantes. O propósito do presente estudo tem como objetivo apresentar, através de uma revisão realizada por meio de um levantamento retrospectivo de artigos científicos, reflexões sobre os principais motivos do estresse emocional, em estudantes de medicina, uma vez que a saúde mental dos profissionais de saúde constitui motivo de preocupação, tendo em vista o caráter estressante do trabalho em saúde. Além disso, exploram-se as necessidades psicológicas e acadêmicas percebidas.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2020-05-25
How to Cite
Laura Nunes Rosa, A., Lima Werneck Junior, F., Catarina Lopes Vianna Couto, L., Amorim Horsth, R., & Spiler, H. (2020). Eventos Produtores de Estresse Emocional mais Comuns na População de Estudantes do Curso de Medicina. Revista Interdisciplinar Pensamento Científico, 5(5). Retrieved from http://reinpec.org/reinpec/index.php/reinpec/article/view/454